Carta do Especialista 14/01/2022

2022-01-18


Tempo de leitura: 6 minutos

Carta do Especialista! 🧐

Sexta-feira, 14 de janeiro de 2022

A Carta do Especialista começa com uma notícia interessante: o Tesla pode ser usado para minerar criptomoedas. Depois, com tanto que se fala sobre o Metaverso, será que ele pode fazer mal para nossa saúde? E falando sobre Saúde, conheça a nanotecnologia feita de DNA para monitoramento de proteínas. Pra fechar o conteúdo de hoje, veja o que rolou na CES deste ano e as tendências tecnológicas previstas por especialistas para este ano.

Tudo isso e muito mais você confere agora… Bora lá?!

🪙 Carro Tesla usado para minerar criptomoedas

Em outra edição da nossa carta, pudemos ver que a criatividade de alguns mineradores de criptomoedas não tem limites. Se no passado milhares de PS4 foram utilizados para este feito, agora foi a vez de um cara muito criativo, testar seu carro Tesla para esta finalidade. Não só funcionou como gerou até US $800 por mês pra ele…

O autor desta façanha foi Siraj Raval, que possui um Tesla Model 3 2018, e relatou para CNBC que ganhou de US $400 a US $800 por mês, dependendo do valor do bitcoin e do ethereum. E como ele fez isto? Conectando um inversor a uma tomada elétrica em seu carro e usando-o para alimentar um computador com software de mineração de bitcoin.

Se você estiver pensando em repetir a iniciativa, saiba que utilizar o carro para mineração pode anular a garantia do veículo – que cobre a bateria por até oito anos. Mesmo assim, Raval acredita que vale a pena, pois passa cerca de 20 horas por dia minerando com a bateria do veículo e pagava de US $30 a US $60 por mês para recarregar.

Pesquisando a opinião de mais gente, outros usuários do Tesla discordam de que isto seja realmente lucrativo. Chris Allessi, um revendedor de veículos elétricos em Wisconsin, disse à CNBC: “Entendo que funcione, mas não acho que valha a pena… Por que você colocaria esse tipo de desgaste em um carro de $40.000 a $100.000?”, ele comentou.

Thomas Sohmers, um hacker da Tesla e minerador de criptomoedas, disse que duvidava dos relatos de Raval, dizendo que não acha possível obter tanto lucro…

Mas Raval pretende continuar com a mineração de criptomoedas usando seu Tesla e mais, no futuro ele planeja transformar seu carro num robotaxi totalmente autônomo que minera sempre que não estiver na estrada. Não falei que este cara é muito criativo? rs

Esta notícia é do Business Insider. https://bit.ly/3GmyBkV

🌐 Metaverso pode ser prejudicial à saúde mental?

Um dos assuntos mais comentados sobre o futuro da tecnologia tem sido o Metaverso: por se tratar de um “novo mundo” repleto de possibilidades, entre elas mudanças nas redes sociais e a virtualização do trabalho, temos a impressão de que as oportunidades são infinitas.

Mas um questionamento deve ser levantado: como evitar que os efeitos nocivos à saúde mental de jovens e adultos se repliquem neste universo?… É importante que este ponto seja discutido enquanto estamos ainda nos primeiros passos “metavérsicos”…Se esta palavra não existe, já estou inventando… 😂😂😂

Como estamos avaliando os impactos do Metaverso na saúde, sabemos que a concentração de profissionais como médicos, em todo o mundo, é desigual. Será que no mundo virtual podemos minimizar este grave problema, aprimorando as conexões entre pacientes e até mesmo colegas de diferentes áreas?

Vemos hoje muitas aplicações de conceitos diretamente relacionados com o Metaverso, como Realidade Aumentada (AR) e Realidade Virtual (VR) seja no aprendizado da medicina e formação dos profissionais da área, na interação entre eles, tornando-as inclusive mais produtivas, e na melhoria dos diagnósticos.

Mas nas redes sociais, sabemos que nem tudo são flores: apesar das experiências fantásticas que esta tecnologia proporciona, como melhorar em muito nossas conexões, ainda pode haver malefícios à saúde mental – e este tema deve ser discutido: nas gerações atuais as crianças e adolescentes já crescem tendo acesso às redes sociais, esta cultura está enraizada até mesmo nos adultos. Mas até que ponto se manter sempre conectado pode ou não estar prejudicando sua saúde?… E com o Metaverso, será que isto não vai piorar?

Tente ficar alguns dias sem conexão ao mundo virtual, desative as redes sociais, ou tente privar seus filhos por um tempo das redes sociais. Talvez não seja uma tarefa tão fácil…

Indo mais além…Outro ponto que os especialistas têm abordado: o da nossa aparência física…No Metaverso você pode ter o “corpo perfeito”… Vivemos numa sociedade das aparências…E, todos nós queremos sempre parecer mais atraentes, não é? Muitos estão numa busca incansável da “perfeição” – não preciso nem dizer o quão nocivo isso pode ser, em especial para mentes jovens em formação.

E como última reflexão deste tema…O engajamento é o alimento das redes sociais e portanto, os algoritmos são desenvolvidos para compreenderem os gostos e hábitos dos usuários, fazendo com que as pessoas fiquem o máximo de tempo conectadas. E, em muitos casos, não é gerando conteúdo de qualidade ou que trará algum benefício. Por isso é tão difícil se desvincular das redes.

Até onde sabemos, nenhum dos métodos utilizados por estes aplicativos é ilegal. O ponto é: será que conseguiremos manter o nosso controle no Metaverso, visto que, a experiência lá é mais imersiva e expansiva?

Veja mais detalhes sobre no MIT Tech Review. https://bit.ly/3K5f8qZ

🧬 Menor antena do mundo, feita de DNA

Cientistas da Université de Montréal criaram uma nanoantena para monitorar os movimentos das proteínas. O dispositivo é um novo método para monitorar a mudança estrutural das proteínas ao longo do tempo.

Esta tecnologia tem potencial para ajudar os pesquisadores a entenderem melhor as nanotecnologias naturais e também as projetadas pelo homem.

O primeiro sintetizador de DNA para criar moléculas que codificam informações genéticas, foi criado há mais de 40 anos. E nos últimos anos, os químicos constataram que o DNA pode ser empregado para construir uma variedade de nanomáquinas e nanoestruturas.

“Como um rádio bidirecional que pode receber e transmitir ondas de rádio, a nanoantena fluorescente recebe luz em uma cor ou comprimento de onda e, dependendo do movimento da proteína que detecta, transmite a luz de volta em outra cor, que podemos detectar. “

A parte receptora da antena é empregada para detectar a superfície molecular da proteína estudada via interação molecular. Uma das principais vantagens de usar DNA para projetar as nanoantenas é que a química do DNA é relativamente simples e programável.

Imagine quando chegarmos aplicando biotecnologia como estas nanoantenas e, inclusive, os nanorobôs, num novo conceito de Metaverso…É “pirar”, não concorda?

Saiba mais no PHYS.org https://bit.ly/3qkZTCt

🎊 CES 2022, veja o que rolou

Apesar dos efeitos ainda da pandemia, a maior feira de novidades tecnológicas do mundo, a CES na versão 2022, acabou de acontecer em Las Vegas. Muitas empresas cancelaram palestras, algumas simplesmente se retiraram, outras optaram por estandes digitais, inclusive a CES anunciou que o evento de 3 dias terminou 1 dia antes. Mas ele aconteceu e tivemos muitas coisas interessantes neste ano, como as que menciono agora:

SAMSUNG ODYSSEY ARCA: O Odyssey Ark da Samsung não é apenas um monitor qualquer. É a combinação de várias tendências em um pacote diferente de tudo que já vimos antes: Tela 55 polegadas; resolução 4k imagens altamente detalhadas; O mais interessante e diferencial é sua curvatura, evolvendo ao seu redor.

TV SONY A95K QD-OLED 4K: A Sony anunciou uma TV 95K QD-OLED 4K que estará disponível nos tamanhos de 65 e 55 polegadas. Ele combinou os novos monitores com o excelente processamento de imagem da Sony e o melhor sistema de alto-falantes de TV da categoria.

ROG ZEPHYRUS G14: O melhor laptop Asus para jogos, desta vez com uma GPU Radeon 6800S da AMD, o novo processador Ryzen 9 6900HS da AMD, tela de 14 polegadas, com melhor desempenho da bateria no mercado.

PORTA INTELIGENTE MASONITA: Esta porta é incrível, não é somente um gadget, são todos os gadgets juntos… Nela você tem todos os dispositivos que precisa para controlar o ponto de acesso principal da sua casa em um só. A Masonite M-Pwr conta com: uma campainha de vídeo, uma fechadura inteligente, iluminação inteligente ativada por movimento, até mesmo capacidade de detecção de porta para avisá-lo quando estiver aberta. E é alimentado por sua casa, não por centenas de baterias descartáveis que você precisa trocar a cada seis meses.

L’OREAL COLORSONIC: Para aqueles que desejam descolorir e pintar os próprios cabelos (não é o meu caso… rs) o lançamento do L’Oreal Colorsonic pode deixá-los empolgados. Melhor aplicação de cor em todos os fios ao passar um gadget, cartuchos substituíveis que podem ser usados várias vezes – menos uso de plásticos, a natureza agradece 😉.

Bom… Há muita coisa legal que não mencionei aqui, mas você poderá ver no The Verge: https://bit.ly/3K8mpGw, com maiores detalhes.

🧐 Tendências tecnológicas de 2022, de acordo com especialistas

Para este levantamento, de previsões de tendências tecnológicas para este ano que começa, diversos profissionais, fundadores de startups, executivos de Big Tech, VCs, acadêmicos e outros especialistas foram convidados a fazer suas especulações sobre este ano em seu campo de interesse.

Há muitas novidades chegando, a maioria vindo de laboratórios de P&D e várias já entrando no mercado. Você ouvirá falar muito de mais automação nos carros, não irá surpreender em ver alguém usando óculos de realidade aumentada em público. Os assuntos sobre o Metaverso continuarão em alta, inclusive podendo contar com contribuições da indústria. E quem sabe, algumas tecnologias que fundamentam a Web3 se consolidem.

Por outro lado, o governo americano provavelmente começará a regulamentar as Big Techs em áreas como antitruste e privacidade.

Os avanços na autoconsciência da IA e na autoaprendizagem, por exemplo, veremos uma IA ensinável, uma Alexa que você poderá personalizar com as suas preferências. São apostas do Prem Natarajan, vice-presidente de compreensão natural da AWS.

Segundo Vijay Pande, a biotecnologia industrializada será a próxima revolução industrial na história humana. A COVID-19 mostrou ao mundo o que podemos esperar da engenharia na área da saúde.

Web3 e o Blockchain são pilares significativos para o futuro da tecnologia, de acordo com Shawn Carolan, sócio da Menlo Ventures. Para Kit Colbert, CTO, VMware o blockchain corporativo se tornará cada vez mais claro e terá uma forte aceleração nas implantações de produção em muitos setores, como o setor de serviços financeiros em 2022.

Ainda em destaque, os próximos saltos em criptografia e segurança cibernética, tecnologias sustentáveis, o futuro da saúde, trabalho remoto, novas formas de deslocamento, uma indústria de tecnologia melhor e muito mais.

Ao todo, foram coletadas mais de 40 previsões, e eu mencionei apenas um pouco do que podemos esperar para este ano. Mas no Fast Company https://bit.ly/3I1YC9l você poderá ver com maiores detalhes uma visão abrangente e inteligente das coisas sobre as quais provavelmente falaremos durante este ano.

Por hoje é só! até a próxima semana 👋

https://linktr.ee/Renatograu


Você também pode se interessar

Futuro da Indústria no ABC

Futuro da Indústria no ABC

Fique por dentro de tudo!